Insecticidal and Behavioral Effects of Secondary Metabolites From Meliaceae on Bemisia Tabaci (Hemiptera: Aleyrodidae)

Gerane Celly Dias Bezerra-Silva, Márcio Alves Silva, José Djair Vendramim, Carlos Tadeu Dos Santos Dias

Abstract


We studied the effects of crude extracts and fractions of Azadirachta indica, Melia azedarach, Toona ciliata and Trichilia pallida on both egg and nymph mortality and embryonic development of Bemisia tabaci B biotype, using tomato plants grown in a greenhouse. Next, we studied the host selection behavioral effects on the adult whitefly under laboratory conditions. The dichloromethane extracts from all plant species and fractions of the extract from branches of T. pallida (EBTPD) and of the extract from leaves of T. ciliata (ELTCD) in dichloromethane caused mortality of nymphs, but neither affected egg viability. However, the branches of the ethanolic extract of A. indica increased the period of embryonic development of the B. tabaci. In addition, the tomato leaflets treated with the fraction of ELTCD dichloromethane (0.28%) were the least preferred by adults, reducing the number of insects resting on the tomato leaflets. The ELTCD methanol and EBTPD dichloromethane fractions inhibited B. tabaci oviposition. Thus, Meliaceae derivatives can contribute to the reduction of the B. tabaci population. The susceptibility of the B. tabaci to Meliaceae derivatives and the relevant behavioral changes of this pest are discussed.

Resumen: Avaliou-se o efeito de extratos brutos e frações de Azadirachta indica, Melia azedarach, Toona ciliata e Trichilia pallida sobre a mortalidade ovos e ninfas e desenvolvimento embrionário da mosca-branca Bemisia tabaci biótipo B em plantas de tomate em casa de vegetação. Além disso, os efeitos sobre o comportamento de seleção hospedeira dos adultos foram registrados. Os extratos brutos de todas as espécies vegetais e frações do extrato diclorometânico de ramos de T. pallida e do extrato de folhas de T. ciliata ocasionaram mortalidade de ninfas, mas não afetaram a viabilidade dos ovos. Por outro lado, o extrato etanólico de ramos de A. indica aumentou o período embrionário da mosca-branca. Adicionalmente, os folíolos pulverizados com a fração em diclorometano do extrato diclorometânico de folhas de T. ciliata foram menos preferidos pelos adultos. As frações em diclorometano e em metanol dos extratos diclorometânicos de ramos de T. pallida e de folhas de T. ciliata, respectivamente, inibiram a oviposição da mosca-branca. Assim, o uso de extratos de Meliaceae contribui para reduzir a população de B.tabaci biótipo B. A susceptibilidade da mosca-branca para derivados de Meliaceae e suas mudanças de comportamento são discutidos.

View this article in BioOne

Full Text:

PDF