REAÇÃO DE CULTIVARES DE BATATA AOS NEMATOIDES-DAS-GALHAS

I. Lima-Medina, C. Belle, V. H. Casa-Coila, A. da Silva Pereira, C. B. Gomes

Abstract


Nove cultivares de batata (BRS Eliza, BRS Ana, Epagri 361-Catucha, SCS 365 Cota, BRS Clara, BRSIPR Bel, Iapar Cris, Agata e Asterix) foram avaliadas quanto à reação a oito espécies de nematoide das galhas (Meloidogyne spp.). Plantas das diferentes cultivares, mantidas em casa de vegetação, em vasos contendo solo esterilizado, foram inoculadas com 5.000 ovos + juvenis de 2o estádio de M. javanica (Est J3 e J2a), M. incognita(Est I2), M. arenaria(Est A2), M. enterolobii(Est M2), M. paranaensis (Est P1), M. hapla(Est H1), M. morociensis(Est A3), e M. graminicola(Est VS1). Decorridos 55 dias da inoculação, cada planta foi avaliada quanto ao número de galhas, número de ovos, estimando-se a seguir o fator de reprodução do nematoide (FR). Com base nos resultados obtidos neste estudo, retificou-se que as cultivares foram suscetíveis a todas as espécies de nematoide das galhas testadas, exceto a M. graminicola. As cultivares menos suscetíveis a M. javanicaforam Catucha, Eliza e Cris; a M. incognita, Agata; a M. hapla, Eliza; a M. arenaria, Cota, Clara, Asterix, Ana, Eliza e Agata; a M. enterolobii, Bel e Asterix; a M. paranaensis, Catucha, Bel, Agata, Asterix, Cota, Clara e Ana; a M. morocciencis, Agata. e, a M. graminicola, as cultivares Eliza, Cris e Asterix foram imunes, e Agata e Catucha, resistentes.


Keywords


Meloidogyne spp., Solanum tuberosum L., resistência

Full Text:

PDF